quinta-feira, dezembro 06, 2012

Óleo



Manuel Pereira da Silva
Sem Título, 1961
Óleo sobre cartolina
28x46cm
Preço: 750€

Aguarela



Manuel Pereira da Silva
Folclore, 1990
Aguarela sobre cartolina
27x33cm
Preço: 550€

Escultura Abstrata

Manuel Pereira da Silva
Maternidade, 1952
Gesso
31x32x55cm
Preço: 1.500,00€

Guache


Manuel Pereira da Silva
Sem Título, 2000
Guache sobre papel
18,5x21,5cm
Preço: 570€

terça-feira, dezembro 04, 2012

Pintura Abstrata


Manuel Pereira da Silva
Sem Título, 1992
Guache sobre cartolina
 20x25,5cm
Preço: 480€


quinta-feira, novembro 29, 2012

Desenho Abstrato


Manuel Pereira da Silva
Sem Título, 1993
Lápis sobre papel
21x29,5cm
Preço: 390€

quinta-feira, agosto 30, 2012

Exposição na Sociedade Nacional de Belas Artes

 
Exposição de Artes Plásticas organizada pela Fundação Calouste Gulbenkian, na Sociedade Nacional de Belas Artes, em Dezembro de 1957 e repetida no Ateneu Comercial do Porto com o patrocínio da Fundação Calouste Gulbenkian, em Junho de 1958.

O Ateneu Comercial do Porto, na esteira das suas tradições de coletividade votada com o mais dedicado interesse aos problemas artísticos e culturais, tomou a iniciativa de repetir nesta cidade o essencial desse importante mostruário, documento vivo do alto nível atingido pelos nossos artistas modernos.
 
 
 

Manuel Pereira da Silva apresentou o busto do fotojornalista, António Silva.

 

quarta-feira, maio 23, 2012

Projeto para o Monumento ao Infante D. Henrique em Sagres, Lisboa (1957).


A Comissão Executiva das Comemorações do V Centenário da morte do Infante D. Henrique entendeu deixar reunidos nesta publicação os elementos fundamentais do concurso para o monumento que deveria erigir-se em Sagres.

Tão grande número de projetos – 22 de autores portugueses e 27 estrangeiros – constitui homenagem à memória do Infante e ficará como documentário do interesse de artistas plásticos, nacionais e estrangeiros, pela figura e obra do genial iniciador dos Descobrimentos.

Sob a Divisa: Escorpião; que Manuel Pereira da Silva participou em colaboração com o Arquiteto Carlos Neves, Arquiteto José Márcio de Freitas, Engenheiro Armando Santos Paupério e Engenheiro Manuel O. Dias Lopes.



Autores: Arquiteto Carlos Neves, Arquiteto José Márcio de Freitas, Escultor Manuel Pereira da Silva, Engenheiro Armando Santos Paupério e Engenheiro Manuel O. Dias Lopes.

terça-feira, março 27, 2012

Leilão de arte contemporânea



Vídeo do Leilão de obras de arte contemporânea oferecidas por diversas personalidades da sociedade portuguesa.

Este leilão decorreu no Hotel Infante Sagres, no Porto, no 19 de Fevereiro de 2012.

quarta-feira, fevereiro 22, 2012

Leilão de arte do Espaço T




Alguns dos artistas presentes no leilão de arte do Espaço T:

Zulmiro de Carvalho

Susana Piteira

Vasco Araújo

Carlos dos Reis

Mário Bismarck

Joana Folhadela

Céu Costa

Valter Hugo Mãe

Alexandre Melo

Manuel Pereira da Silva

David Penela

Siza Vieira

José Rodrigues

Joana Vasconcelos

Albuquerque Mendes

Jaime Azinheira

Leonel Moura

segunda-feira, fevereiro 20, 2012

Hotel Infante Sagres



Leilão de obras de arte oferecidas por diversas personalidades da sociedade portuguesa.
Este leilão decorreu no Hotel Infante Sagres, no Porto, no dia 19 de Fevereiro de 2012.

domingo, fevereiro 05, 2012

Espaço t



O Espaço t celebra em 2012, 18 anos de existência, durante este período, sempre com uma preocupação constante “Transformar Homens em Príncipes”, ou antes, procurar na Arte e com a Arte, a reintegração de todos/as sem excepção.

"Maternidade", Aguarela sobre cartolina, 1961, 39x58cm

Fundado em 1994, o Espaço t desenvolve o seu trabalho em três áreas distintas (área Social, Cultural e de Formação) cujo objectivo principal é a integração de pessoas com problemas bio-psico-sociais (toxicodependentes, deficientes físicos e mentais, idosos, sem-abrigo, seropositivos, etc.), entre os “ditos Normais”, através da arte, de forma a fomentar a auto-estima e auto-conceito de cada uma destas pessoas.

Em 1994, para muitos este era um espaço utópico, quase irreal, mas a verdade é que o Espaço t acredita e luta por um mundo melhor, onde todos/as somos precisos e válidos, onde todos temos potencial, onde não há “coitadinhos” e “generosos”, acreditamos essencialmente num mundo onde todos se complementam e mutuamente se ajudam, acreditamos na aceitação da diferença e no Outro.

Ao longo deste período o Espaço t tem visto o seu trabalho reconhecido, pela atribuição de prémios, atribuição em 2006, do Prémio Igualdade é Qualidade, atribuída pela Comissão para a Igualdade no Trabalho e Emprego, sendo de destacar, em 2007 a nomeação pela Fundação Calouste Gulbenkian para o prémio internacional Raymond Georis Price: The Mercator Found, a atribuição em 2008, do 3º. Prémio Hospital do Futuro, na Categoria de Serviço Social, em 2009 a atribuição do prémio Infante D. Henrique pela Confraria das Tripas à Moda do Porto e em 2010 a atribuição da Menção Honrosa Igualdade é Qualidade, atribuída pela Comissão para a Igualdade do Género.

Por forma, a continuar a desenvolver as suas actividades junto de todos aqueles que precisam de nós, estão a preparar o Leilão “A Felicidade existe, ajude-nos a mantê-la!” onde serão vendidas obras de arte de artistas plásticos, entre outros produtos como objectos pessoais de personalidades, objectos de design…, como meio de conseguir realizar dinheiro necessário para fazer face às suas despesas com todas as actividades terapêuticas e socioculturais.

"Família", Aguarela sobre cartolina, 1961, 29x63cm

Neste sentido, decidi apoiar com a oferta de três pinturas, para que estas possam ser vendidas em Leilão que acontecerá nos dias 19 de Fevereiro de 2012,pelas 16h30m, no Hotel Infante Sagres, no Porto.

"Sem título", Guache sobre papel, 1991, 24x17,5cm